DANÇA



O nosso amor é uma dança vermelha
regida pelas paixões enleantes de
um tango argentino
e o fogo, o fogo, o fogo .
Em nosso amor, palavras ferem
e rasgam a pele e a alma para
depois lavar as feridas
com os olhos molhados,
costurar as lacerações
com beijos molhados.
Em nosso amor, delicadezas
lentas atravessam nossos
compassos, tornando leves
nosso pés e o corpo inteiro.
Nosso amor é uma dança
íntima e passional que
ora nos eleva ao céu,
ora nos derrama neste
duro chão que é a vida.
Saramar

11 comentários:

Taia disse...

Posso mudar de tango pra samba? É que eu gosto mais sabe, um chorinho talvez...
Beijinhos.

Anônimo disse...

Saramar,
Adorei demais a dança do amor...
Divinal
magistral, completa!!!!
"no duro chão da vida".
Máxima a oportunidade de conhecer suas palavras, sentimentos e emoções!
SUCESSO.
Beijos&Beijos,
Míriam Torres®

sabios de siao disse...

Agradeço seu comentário no blog. Realmente um blog pode ser sério, mas, é algo muito difícil em nosso país; pois como disse De Gaulle (salvo engano), "o Brasil não é um país sério". Será que os blogueiros o são?
abraço,
Therence

margusta disse...

Olá Saramar,
...lindo este poema sobre a dança do amor.
Obrigada pela visita.
Beijinhos e bom fim de semana.

Angela Ursa disse...

Amiga Saramar, acho tango uma dança linda e realmente muito sensual. Beijo da Ursa!

perola&granito disse...

Os leilões das nossas peças continuam. Está a decorrer o terceiro. Queres dar uma olhadela?
Beijinhos
Bom fim de semana.

Jôka P. disse...

Dizem que poesia a gente não comenta... SENTE !
Bjs do
JÔKA P.
:)

El Coruchero disse...

Muito bonito Saramar!
Um beijinho do seu amigo de Portugal. El Coruchero.

Lia Noronha disse...

Saramar: a composição do amor e da dança explodem em harmonia!
Adorei imagem e texto.
Bjus mil!

LCMarques disse...

Me inspirou para postar Gardel...
Parabens!

Silvio Vasconcellos disse...

Senti o ritmo do tango, o calor do tango, o pulsar do tango.

Parabéns Saramar e obrigado pelos comentários em meu blog.