A COR DO TEMPO


Porque o tempo,
indiferente pintor,
substitui a dor por uma ilusão qualquer.
O tempo é uma mulher e seus vestidos
hoje preto,
azul amanhã
e o vermelho de alguma paixão.
Entretanto,
ao final de tudo que é sentido,
O tempo é branco,
leva consigo toda cor e
carrega para longe a dor.
Saramar

Imagem: Roman Path

11 comentários:

Márcia(clarinha) disse...

Ô tempo inexorável...
carinho nesse dia doce Saramar
beijos

Erika disse...

Tempo é remédio e cura tudo... branco que cura.. paz do amor.

Beijos querida. ótimo final de semana.

Bill disse...

O tempo é isso, consumidor de cores...
Gostei gostei... Sempre belas palavras.

Beijo e otimo fim de semana

:*

Nilson Barcelli disse...

A sua poesia, para além de linda, é também uma viagem aos problemas da vida.
Excelente, como é habitual no que vc escreve.
Bfs, beijinhos.

Edson Marques disse...

Saramar,


o tempo é feminino.

Teu poema é belo.

Gostei dos teus comentários deixados no blog Mude.

Abraços, flores, estrelas..

Alice Matos disse...

Quando puderes passa pelo Detalhes.
Tenho um carinho para ti...

Beijos...

Alice Matos disse...

O tempo é a nossa estrada pela vida...

Beijos...

DE-PROPOSITO disse...

Há um ditado que diz:
'Por maior que seja a dor, o tempo a dissipará'.

É claro, se a pessoa não vencer a dor, a dor, a vencerá.

Fica bem.
Felicidades.
Manuel

Tina disse...

Oi Saramar!

O tempo sempre se encarrega de nos livrar do que quer que seja, inclusive da dor. O tempo sabe, sabio tempo.

beijos querida, saudade.

Fernanda disse...

Nossa muito bonito!!!! Clap clap clap.

Lia Noronha disse...

Mas ainda assim...como bem disse Chaplin...ele continua sendo...o melhor autor!!!
Bjin con carin de sempre diretamente do meu Cotidiano.