DEPOIS DA NOITE


Nesta manhã, amor,
deixo-lhe o mapa
do lúdico, dos lábios
e meus pés descalços.
Saio vestida
com seu corpo,
suas asas levo
aqui dentro,
de tanto vôo
que colocou em mim.
Saramar

Imagem: Bouguereau

Hoje tem um poema novo lá no blog do Leo.

21 comentários:

Silvio Vasconcellos disse...

Estou cada vez mais convicto que poesia, além de inspiração, precisa de prática. A cada vez que te visito encontro a superação dos sentimentos, transcritos em versos harmoniosos e precisos.

Saramar, estou sentindo sua falta na despedida do Uni-verso. Vá e assista o vídeo. Tua assinatura no livro de despedida é fundamental, afinal acompanhaste todo o blog.

Beijo

Sílvio Vasconcellos

Bill disse...

Hummm Vôo que encanta a alma... E se espalha pela vida...
Doces pelas dona moça... para animar mesmo a alma (=

Beijo e otima semana pra tu

:*

Lela disse...

Sair vestida com o corpo do amor... Vestir-se assim, sem necessariamente despir-se de si... Sabe o que eu curto em um poema, Saramar? Quando saído de quem o concebeu, cabe como luva em quem o lê. Acho que um poema é poema quando isto acontece. Delicioso seu poema. Beijo!

Moita disse...

Já está superando Cecília Meireles.

Dia 28, será o máximo.

muitos cheiros

Ricardo Rayol disse...

Em suave planeio
Por céus alhures
encontro meu destino
ao largo de onde veio.

Mário Margaride disse...

Olá Saramar,

Que beleza feito poema!
Que ternura, que encanto...

"Nesta manhã, amor,
deixo-lhe o mapa
do lúdico, dos lábios
e meus pés descalços.
Saio vestida
com seu corpo,
suas asas levo
aqui dentro,
de tanto vôo
que colocou em mim."

Adorei!

Beijinhos

Dono do Bar disse...

Que voe longe pelas nossas manhãs!
Tenha uma ótima semana, poetisa.

DB.

un dress disse...

cartografia do VOO...



*

Mônica Montone disse...

Nossa, que bonita essa imagem de um vôo sendo colocado dentro da gente.

beijos, querida e boa semana

MM

Leticia Gabian disse...

Que lindo! Adorei, saramar!
Poder voar com asas do outro é muito lindo!
É sempre bom vir aqui.

Beijinhos pra ti

Marconi Leal disse...

Lindo, Saramar!

Leonardo disse...

Tudo muito especial. Sempre.

Lusófona disse...

Olá Saramar!!

Que encanto de poema!!
Muito lindo!

Beijokas e uma feliz semana

Márcia(clarinha) disse...

quer andar vestida com o corpo do meu amado...desejo
Doce Saramar a perfeição dos poetas
beijossssssssssss

Um Poema disse...

Felicidade!...

Um abraço

Leticia Gabian disse...

Voltei pra te dizer que o Mário Margaride me desafiou e eu repassei o desafio pra ti. Vai lá no Som&Tom pra ver, tá?
Beijinhos

Anne Baylor disse...

Puxa...
Só posso suspirar..
Lindo..
Infinitamente gracioso..

Bjos

Tina disse...

Oi Saramar:

Versos perfeitos. Foto idem. Não canso de admirar. Parabéns.

beijos querida,

Bosco Sobreira disse...

Minha querida Poeta,
Sei que estou sendo repetitivo, mas a verdade é que tua poesia está, a cada dia, se renovando em imagens, em beleza.
Obrigado pelo alimento diário de nossa emoção.
Um beijo afetuoso, minha querida Saramar.

Yvonne disse...

Oi querida, para variar versos lindos por aqui. Voltei à blogosfera. Leia o último post para saber as novidades. Obrigada pelo carinho. Beijocas

B R E N A disse...

Como sempre, bela, né?!
Beijo, querida.