INCOMPLETUDE


Quando ele chegou, trouxe o amor nos gestos,
música nos lábios e uma doçura que dançava
em meu corpo, raios tempestuosos de prazer.
Muros ruíam em mim ao sabor do seu olhar.
Lemos sussurros de amor com lábios colados,
enquanto impressões de plenitude lavavam
nossos corpos, fonte e cálice dos sentidos.
Cantamos o amor, dançamos o amor e, ainda assim,
o desnudamento dos sonhos comuns nos levava a
outros mundos, outras e novas e mais outras sensações.
O mundo se inverteu, translacionando à nossa volta
e nada víamos, a não ser um ao outro.
Por fim, a natureza, invejosa da ventura do nosso ser,
do nosso continuar translúcido, retirou sua luz de nossos
olhos e levou a doçura e apagou a música em nossos lábios.
Nada deixou. Só a incompletude.
Saramar

9 comentários:

YoHannah disse...

Hola, Saramar: deseo que se te hayan solucionado todos tus problemas informáticos.

Me gusta mucho la poesía que haces, es muy delicada, dulce, con mucha ternura y gran sensibilidad. Llega muy hondo.

Un abrazo y hasta pronto.

Hannah

Santa disse...

Uma curiosidade? Vc cria diariamente ou esses poemas fazem parte de sua produção anterior?

spersivo disse...

Saramar,
Com o maior prazer lhe mandarei um poema meu para você postar. Só vou escolher um bem bonito. Bjão. Com incompletude e tudo. E um fim de semana bem bonito. Silvio

Lia Noronha disse...

Saramar: ainda bem que estamos conseguindo entrar no falares e contemplar e comentar sobre essas doces palavras que vc tão bem organiza em forma de poesia.

beijos mil e um bom fim de semana.

Nino disse...

Poesias, poesias, por que existes?
Existo para lavar-te a alma,
acalmar teu coração e oara aprenderes que amar é poético!
Beijos
Nino

Lata Mágica disse...

Oiii, rosa branca de Falares!

Não estamos parados:))Deixamos um recado no blog a todos os nossos visitantes. Por favor passe lá.

Silvio Vasconcellos disse...

Olá, Saramar!
Cada poesia que tu nos presenteias é quase um conto de amor.
Consegues transmitir um cenário, uma história, com rimas e ritmos naturalmente cadenciados.

Um abraço do sul!

111x6 disse...

Saramar , gostei muito da intensidade e beleza da sua postagem , parabéns e saiba que estarei sempre aqui ao seu lado ...meu carinho para você !

Marcelo Orlando disse...

é o fim.... bjs...