(A) MAR


Naufrago.
Nos lábios,
uma palavra queima,
acende o líquido reflexo
que me abarca o corpo.

O tempo, coral sem cor
onde ecoa e teima, a palavra.

O tempo detém o passo,
o líquido traço?
Não.

Morro.
Nos lábios,
teu nome.
Saramar

Imagem: Shark

26 comentários:

guto leite disse...

saudade de vc .. beijo grande meu

Claudinha ੴ disse...

Menina, é lindo...
Desejo tudo de bom, saúde e alegrias. Beijos.

Pedro Du Bois disse...

Saramar: perfeito. como sempre. abraços, Pedro

Poeta Jorge Henrique disse...

Saramar, minha querida, é sempre bom relê-la e revê-la, a fim de retê-la, a poesia, que emana de ti.

Como sempre, teus versos são divinos!

Um forte abraço.

Anne Baylor disse...

Romaaaaaantica!!!


-}

Janaina disse...

Você não tem noção do quanto eu fiquei feliz em ver seu comentário no meu blog. Que bom saber que vc está melhor, Sara. Espero ansiosamente pelos seus escritos inspiradores. Beijos, cheios de desejo de boa sorte, saúde e sucesso.
Jana

Angela Ursa disse...

Querida amiga, fiquei feliz com a sua visita e mensagem na floresta da Ursa! E mais ainda de saber que você está bem. Que Tupã a proteja sempre! Beijos e carinho da Ursa :))

Dauri Batisti disse...

Estou aqui, lendo, lendo seus poemas, e..... gostando.

Um beijo.

Meg (sub Rosa) disse...

Saramar,
vc sabe do afeto que tenho por você.
Eu há mais de seis meses praticamente deixei o Sub Rosa para cuidar de uma complicação de saúde. Fiz uma operação grave e cheia de riscos.
Estou em convalescença, porém com saudade de tudo e todos os que admiro e gosto.
Por isso estou aqui para dar-lhe um abraço de saudades e vejo, pelo que li, que vc esteve doente?
Que a Força Maior esteja com você e vc possa se restabelecer com-ple-ta-men-te o mais rápido possível.
Saúde e Paz
Meg

Alice Matos disse...

"....Morro.
Nos lábios,
teu nome..."

Lindo o teu poema... muito belo...
Beijos...

Francisco Dantas disse...

E aí, menina, por onde andas? Um beijo.

Luma disse...

Saramar, vim saber como está. Beijus

Moita disse...

Tou troncho de saudades.

1 cheiro

Dora disse...

Sara-mar! Então, não naufragou, nem morreu...Ainda se acende, na liquidez do mar e do amor.
Ainda tem o nome nos lábios, na palavra que teima...
Que bom que você voltou!
É sempre prazer ler você!
Beijo e abraço apertado!
Dora

Cris disse...

Saramar!

Boa surpresa te ver lá no Cris. Fiquei feliz , viu? Está tudo bem, poeta?

Beijão.

Voodoo disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Voodoo disse...

Amar,
ou mar medonho,
que de criatura povoa os sonhos,
insano, ao fim da vida,
sei ainda te amo.
Bjs

Moita disse...

Eita! Mulher sumida! rssss

Principe Encantado disse...

Estou lhe visitando pela primeira vez e gostei de seu blog, gostaria de saber se poderiamos ser parceiros em nossos blogs se sim, deixe seu recado com seus dados em meu mural. Te aguardo.
Sucesso
Abraços forte

Moita disse...

Não vou ser repetitivo.

Deixa-a relaxar.

Só não relaxa a minha saudade.

Dri Viaro disse...

Oi, passei pra conhecer seu blog, e desejar bom fds
bjs

aguardo sua visita :)

paulinho disse...

Lindo poema!
Era tudo que eu precisa ler, parabéns...
Este seu Blog é sensacional, espero sua visita ao meu Blog tb

http://souzapaulo.zip.net/

Rita Maria disse...

Bom Dia Saramar,

Andando pela Net, as vezes lhe encontro e até deixo algum bilhetinho para você... Sempre que lhe encontro dou um alô!...

Agora, estou aquí para dizer-lhe que amo seus poemas e desejar-lhe um domingo cheio de boas novidades e inspiração sempre crescente para nos presentear com lindas poesias...

B~eijão,

Rita Maria

* hemisfério norte disse...

não te sabia doente
lamento
-
ao entrar hoje na net fiquei muito feliz de te ver no meu espaço
-
ainda bem q melhorou
-
a tua escrita continua a tocar-me

beijos mil

Eduardo Trindade disse...

Tens talento para emocionar (ofício e razão de ser de poeta) e muito bom-gosto. Parabéns!

Brancamar disse...

A sua poesia é sempre emocionante, plena de vida e talento.
Vim desejar-lhe bom regresso, muita saúde e traga-nos mais alimento deste para a alma.
Beijinhos.
Com amizade.~
Branca