ENREDO



umas letras espalhadas
e cantigas que um dia,
um poeta me deu, dizendo
linda semente encontrei
de poemas.
uma saudade perdida
de tanto lembrar a antiga
mania de ser feliz
(que eu tinha).
uns fragmentos, fitas azuis
num canto amarelo,
no febril desejo
de refazer o dia
em que te conheci.
mero palpitar
de passarinho preso
em enredo de amor
malogrado, porém belo.
Saramar

5 comentários:

Erika disse...

"uns fragmentos, fitas azuis
num canto amarelo,"

que lindo isso.

beijos kirida

www.oncoto.erikamurari.com.br

Alessandra disse...

belas imagens e cromatismo complementares! Grande beijo!

Bill disse...

Passarinho perdido em um mundo de palavras, amor que prende e liberta, deixando o mundo assim, louco de paixão (=

Belas palavras como sempre né...

Doces doces.

ótimo fim de semana

:*

Ricardo Rayol disse...

e plantou a semente nas asas dos pássaros e suas letras frutificaram...

un dress disse...

enredos...

e porém, belas palavras!!





beijO