SONHOS


Na madrugada, sob a luz escandalosa
da lua cheia totalmente acordada,
desmancho-me em sonhos de amor.

Ecos se penduram em minha imaginação
e o silêncio da noite me deixa, furtivo.
Sorrisos teimosos brincam em minha boca.

A felicidade quase me toca, girando à
minha volta, num baile tentador.
Quero tocá-la, fugitiva que é.

Na madrugada, enquanto a lua alumia,
minha boca trocaria os leves sorrisos
por grandes beijos de amor.

Saramar

Imagem: O Beijo, de Rodin

1 comentários:

daveharolds10167847 disse...

I read over your blog, and i found it inquisitive, you may find My Blog interesting. So please Click Here To Read My Blog

http://pennystockinvestment.blogspot.com